nov 072013
 

Matéria: Rodrigo de Aguiar

Foto: Divulgação

rodrigo@papareianews.com

Com isso o bacharel terá o direito de fazer novamente a prova prático-profissional no exame seguinte

Ela é temida pela grande maioria dos acadêmicos de direito e é também responsável por 25% da aprovação daqueles que passam de bacharéis para o efetivo exercício da profissão de advogado: estamos falando do exame da OAB. Há quem defenda a tese de que assim somente estarão disponíveis no mercado profissionais capacitados e realmente preocupados em bem desenvolver suas atividades jurídicas, mas pelo lado dos estudantes e recém-formados, a alta complexidade do teste pode significar um obstáculo a mais e um gasto excessivo para cada vez que o candidato tiver de realizar novo exame.

No entanto, esta problemática chegou ao fim. O Conselho Federal da instituição aprovou no último dia 8 de outubro o reaproveitamento da primeira fase da prova para o candidato reprovado na segunda, com isso o bacharel terá o direito de fazer novamente a prova prático-profissional no exame seguinte.

De acordo com o coordenador nacional do exame de ordem, Leonardo Avelino Duarte, o aproveitamento era uma das coisas que vinha defendendo desde o tempo em que ele foi presidente de seccional e passará a valer a partir do próximo exame.

Para o estudante do oitavo semestre, Reint de Boer, esse tipo de teste de conhecimentos deveria haver em todos os cursos de graduação e com relação ao reaproveitamento ele não chega a considerar um privilégio, mas sim uma questão de justiça e incentivo, pois ao final do curso os acadêmicos saem da faculdade com aquele sentimento de insegurança e tendo de ir para a “guerra” com a cara e a coragem.

O curso de direito é muito denso para que tenhamos visto realmente tudo em apenas cinco anos, concluiu o universitário.

De acordo com o presidente da subsecção da Ordem dos Advogados do Brasil em Rio Grande, Everton de Mattos, a mudança é positiva, pois permite ao bacharel focar na parte prática da prova, que será basicamente o que ele irá utilizar na lida profissional. O estudo jurídico que cai na prova objetiva também é importante, mas no dia a dia isto pode ser observado com a leitura constante de códigos e doutrinas.


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/joses963/public_html/papareianews.com/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1044