nov 222013
 

Matéria e fotos: Tyele Antonacci assessoria de comunicação

papareianews@papareianews.com

O projeto é inédito no Brasil e o objetivo é aliar as atividades culturais que a escola oferece ao ambiente de lazer que o shopping irá criar

Um prédio com mais de dois mil metros quadrados que carrega uma parte importante da história de Rio Grande ganhará vida depois da recuperação e reforma estrutural feita pela 5R Shopping Centers e da ida para o complexo do Praça Rio Grande Shopping de um dos mais tradicionais conservatórios de arte do Brasil, a Escola de Belas Artes Heitor de Lemos (EBAHL).

O projeto é inédito no Brasil e, segundo a diretoria da empresa responsável pelo empreendimento, o objetivo é aliar as atividades culturais que a escola oferece ao ambiente de lazer que o shopping irá criar. “As atividades da Escola e do Shopping são convergentes. Queremos oferecer lazer e cultura para nosso público e a Escola de Belas Artes tem uma produção cultural qualificada, já é reconhecida na cidade e merece um espaço a altura do seu trabalho”. Explica Felipe Fulcher, presidente da 5R Shopping Centers.

“A Escola de Belas Artes tem 91 anos de história, não é pouca coisa. Agora, com este novo prédio, teremos a possibilidade de aumentar o Belas Artes. Nosso compromisso é com a ampliação da escola e quem sai ganhando com tudo isso é a população.” – garante Alexandre Lindenmeyer, prefeito de Rio Grande.

As obras de recuperação do prédio, que estava em ruínas, já começaram e serão finalizadas em março.  A Escola será aberta no Complexo do Praça Rio Grande junto com o Shopping, dia 25 de março de 2014. A EBAHL está acompanhando a obra para que os detalhes estruturais fiquem adequados às atividades da Escola. “A expectativa para nos mudarmos já é grande entre professores, alunos e todos envolvidos nas atividades da escola. O novo prédio vai qualificar ainda mais as atividades que a escola já faz há muitos anos.” – comemora Beatriz Batezat Duarte, diretora da EBAHL.

Sobre a 5R Shopping Centers:

A 5R Shopping Centers é uma joint venture entre especialistas nas áreas de incorporação, desenvolvimento e administração. Trata-se da união entre uma holding imobiliária de Edmundo Rossi (co-fundador  da Rossi Residencial), com executivos do mercado de shopping centers como Felipe Fulcher e Cesar Garbin. O grande diferencial da empresa é prospectar, planejar, desenvolver, administrar e comercializar seus shoppings centers de maneira independente, pois seus executivos têm uma visão de longo prazo dos seus negócios e projetos. Fulcher atuou na Europa, onde trabalhou por 10 anos no desenvolvimento e implantação de novos empreendimentos, além de expansões. Já Garbin tem mais de 20 anos de atuação nas áreas de comercialização, administração e marketing em shoppings em todo território nacional. A perspectiva sustentada por todos esses nomes é sólida com projetos em cidades de médio porte e capitais de todo o País.

Sobre a EBAHL:

A atual Escola de Belas Artes Professor Heitor Figueira de Lemos, instituição municipal da cidade do Rio Grande, vinculada à Secretaria Municipal de Cultura, originou-se de uma transmutação do Conservatório de Música do Rio Grande, criado em 1º de abril de 1922. Ao agregar atividades além da música, em 1965 a instituição tornou-se o que é hoje. Oferece ensino de arte nas áreas de Música, Dança e Artes Plásticas para o exercício consciente da cidadania e profissionalização de seus mais de 400 alunos. São oferecidas cerca de 20 modalidades entre cursos, oficinas e atelier trabalhadas por 36 profissionais, apoiados pela Associação de Amigos da EBAHL. Todos envolvidos em elevar a cultura e a arte rio-grandina.

São oferecidas cerca de 20 modalidades entre cursos, oficinas e atelier

A EBAHL oferece ensino de arte nas áreas de Música, Dança e Artes Plásticas para o exercício consciente da cidadania e profissionalização de seus mais de 400 alunos


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/joses963/public_html/papareianews.com/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1044