mar 092013
 

Matéria: Rodrigo de Aguiar

Fotos: José Silveira e Daniel Corrêa

rodrigo@papareianews.com

jose@papareianews.com

daniel@papareianews.com

Corte do carnaval foi apresentada durante a cerimônia de abertura

A cidade do Rio Grande deu início na noite de ontem ao Carnaval 2013 fora de época. O evento, realizado no sambódromo, que neste ano acontece no mês de março, tem como objetivo atrair maior público, já que em anos anteriores à folia urbana dividia seus espectadores com os desfiles dos blocos carnavalescos no Balneário Cassino. As apresentações nesta edição contam ainda com a presença de Neguinho da Beija-Flor.

Desde a última semana funcionários da Prefeitura trabalharam em ritmo acelerado para garantirem a total segurança dos foliões e ainda na tarde de ontem os últimos ajustes estavam sendo realizados, entre eles a iluminação e a pintura da pista. A estrutura de arquibancadas e camarotes teve de ser modificada por determinação do Corpo de Bombeiros em inspeção realizada.

Criação de um espaço apropriado depende ainda de estudos e captação de recursos

O Prefeito Alexandre Lindenmeyer disse que a expectativa para este primeiro ano de desfiles fora de época era de que a comunidade comparecesse para prestigiar o trabalho desenvolvido pelas entidades participantes. O chefe do executivo destacou a organização da estrutura e reforçou a ideia de um carnaval consciente onde as pessoas não misturem álcool com direção. Perguntamos ainda sobre a possibilidade da criação de arquibancadas permanentes, uma vez que a locação, montagem e desmontagem das estruturas acabam gerando gastos para a administração, entretanto a área destinada pertence à União e a criação de um espaço apropriado teria de ser realizada em outro local dependendo de estudos e captação de recursos.

Receita para um bom carnaval passa pela união, disse o presidente da LIEESA Sandro TC

O Presidente da Liga Independente das Escolas e Entidades do Samba de Rio Grande (LIEESA), Sando TC, contou que a venda de ingressos para as duas noites foi bem expressiva e que a vinda do intérprete Neguinho da Beija-Flor se deu através do grande significado dele para o samba e para o carnaval brasileiro. TC concluiu ainda dizendo que a principal receita para um bom carnaval está intimamente ligada a união de seus organizadores, um bom trabalho passa principalmente por esta questão.

Os desfiles dos blocos e grupos convidados sofreu um atraso em virtude de um acidente de trânsito envolvendo o veículo que trazia os jurados. Segundo informações, o acidente aconteceu próximo ao município de Turuçu, mas sem gravidade.

A primeira agremiação a ingressar na passarela foi a caçula E. S. Acadêmicos da Hidráulica. Ainda sem concorrer, os componentes atravessaram a avenida com um enredo que contou sobre o primeiro ano de desfile da escola em 2013. Quem seguiu a folia foi a Marilu. O tradicional bloco carnavalesco agitou quem estava nas arquibancadas e preparou o público para a chegada de Neguinho da Beija-Flor.

Logo que chegou o sambista percorreu toda a extensão do sambódromo, distribuindo beijos, abraços e apertos de mão. Em seguida fez uma apresentação de aproximadamente uma hora que contou com a participação do núcleo de animadores do Grupo Tholl, da cidade de Pelotas. Mas neste contexto nem tudo foi alegria: uma confusão entre integrantes da LIEESA e Guardas Municipais culminou com a saída precoce do cantor que não chegou a acompanhar os desfiles do grupo de acesso. Soldados da Guarda Municipal impediram que pessoas convidadas ingressassem no palanque principal e alegaram como resposta uma ordem imposta por superiores, cerceando assim o direito de várias pessoas de conversarem e tirarem fotos com o famoso sambista.

Com os ânimos acalmados a Nega Maluca abriu o desfile do grupo de acesso, trazendo para o sambódromo o enredo “Nega Maluca canta e encanta a cidade do Rio Grande”, tendo como destaque principal a figura de Iemanjá, representada por uma das integrantes da escola.

A segunda entidade carnavalesca a desfilar foi a Águias do Samba. Com o enredo “Inclusão social, viva esta ideia”, a escola trouxe, além de suas alegorias, pessoas portadoras de deficiência visual e de Síndrome de Down, fazendo jus ao tema deste ano.

Na sequência a Unidos da Castelo Branco homenageou a Festa do Mar, com o enredo “Castelo Branco rumo à Festa do Mar” trazendo em seus carros alegóricos a corte e o símbolo gastronômico do evento: a anchova assada na brasa.

Quem encerrou a primeira noite foi a Zona Oeste que trouxe como tema a alegria do carnaval da Vila da Quinta.

Na noite deste sábado acontece o desfile do grupo especial. A programação conta com o concurso de conjuntos acadêmicos, apresentação novamente do Neguinho da Beija-Flor e o grupoTholl e as escolas Acadêmicos da P1, Unidos da Capivara, Grande Rio, Nós de Casa, Unidos do Mé e Unidos da Reinghantz, que lutam pelo título de grande campeã em 2013.

A apuração acontece na tarde deste domingo às 15h e o desfile das campeãs a partir das 20h.

As imagens das duas noites de desfile poderão ser conferidas em uma galeria própria clicando aqui.

Neguinho da Beija-Flor distribuiu beijos, abraços e apertos de mão pela passarela

Nega Maluca trouxe em um de seus carros Iemanjá, interpretada por uma de suas componentes


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/joses963/public_html/papareianews.com/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1044