dez 262013
 

Matéria: Rodrigo de Aguiar

rodrigo@papareianews.com

A forte onda de calor que atingiu Rio Grande nesta quinta-feira foi agravada ainda mais por uma falha no sistema de geradores da Usina Presidente Médici, em Candiota, que acabou interrompendo o fornecimento de energia elétrica na cidade. Passava das 13h30, quando as luzes das residências oscilaram e apagaram de vez.

Por quase uma hora todo o município esteve prejudicado pela ausência do abastecimento, que afetou também as lojas do comércio local e os semáforos, que não funcionaram. Aliado a temperatura de 39º desta tarde, os rio-grandinos foram castigados pelo verão que está apenas começando sem poderem utilizar ventiladores e ar condicionado no período sem energia.

A CEEE informou que com este problema todos os municípios da metade sul, desde Camaquã, foram afetados, o que representa mais de 500 mil consumidores sem luz.

nov 072013
 

Matéria: Setor de comunicação da Prefeitura Municipal

Os muros de contenção dos viadutos que estão sendo construídos na Vila da Quinta e no Povo Novo receberão uma roupagem diferenciada. A Prefeitura do Rio Grande propôs ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) que as paredes laterais das estruturas localizadas na BR-392 sejam revestidas por expressões artísticas. O grande objetivo da sugestão é ressaltar em painéis a história das localidades, do município e seus personagens. A divulgação da arte da cidade contribuirá ainda para amenizar pichações e atos de vandalismo nos locais.

O Prefeito em exercício, Eduardo Lawson, contatou o engenheiro do Dnit, Vladimir Casa, para identificar a viabilidade e obteve sinalização positiva. O ofício solicitando autorização para aproveitar o espaço foi encaminhado pela administração rio-grandina formalizando a intenção. “Dessa forma podemos transformar os grandes paredões em arte, valorizando a cultura do município através de seus atores”, avaliou Lawson.

A Secretaria de Município da Cultura (SMC) coordenará o projeto e definirá como ocorrerá a execução.

set 272013
 

Matéria e fotos: Rodrigo de Aguiar

rodrigo@papareianews.com

Ao todo serão instaladas duas mil unidades

Está se tornando cada vez mais comum encontrarmos as placas que informam os nomes das ruas e avenidas de Rio Grande depredadas. Os atos de vandalismo, cometidos contra estes objetos recentemente instalados pela prefeitura, são das mais variadas formas e despertam na comunidade um sentimento de revolta e de impunidade dos responsáveis por esta prática criminosa.

Caminhando pelas ruas centrais é possível visualizarmos muitas delas quebradas ou até totalmente arrancadas. A ousadia é tamanha, que depois de danificadas elas são deixadas ao lado como se fossem troféus de um ato, onde ninguém leva vantagem.

As placas são compostas por materiais cem por cento ecológicos e além de indicarem o nome da rua ou avenida, contam com um pouco da história daquela personalidade que teve seu nome utilizado para denominar aquele logradouro. Ao todo serão instaladas duas mil unidades e até o momento 500 já foram colocadas.

O projeto, que visa informar turistas e profissionais como taxistas e carteiros é pioneiro no país, e a empresa vencedora da licitação é rio-grandina.

Para o secretário de controle e serviços urbanos, Nilson Pinheiro, o fato é lamentável. No entendimento da secretaria deve haver mais fiscalização e a comunidade tem grande importância neste ponto. O titular da pasta informou que para estes casos são disponibilizados quatro números de telefone, onde os rio-grandinos podem interagir com o trabalho desenvolvido pela atual gestão. Quem presenciar algum ato ou souber informações sobre os responsáveis, pode entrar em contato através dos telefones 3231-4549, 3231-1763, 3231-1758 ou 3232-3437.

Reforço nas estruturas

Em virtude dos fortes ventos e dos atos de vandalismo praticados contra elas, a SMCSU solicitou a empresa responsável pela confecção das placas um reforço em suas estruturas, o que já vem sendo atendido e observado nas que estão sendo instaladas ultimamente.

Nilson Pinheiro considera os fatos lamentáveis

SMCSU já solicitou para a empresa responsável pela confecção um reforço nas estruturas

set 262013
 

Matéria: Tyele Antonacci/Assessoria de comunicação

A Alshop (Associação Brasileira de Lojistas de Shopping) realiza no dia 1º de outubro, no Sheraton Hotel, em Porto Alegre, o Brasilshop Congresso Internacional do varejo. É o principal evento voltado ao setor varejista de shopping center no Brasil. O Praça Rio Grande Shopping, que inaugura em março, é um dos principais patrocinadores da primeira edição gaúcha do evento.

O congresso acontece há 12 anos em São Paulo, mas em função do mercado de shopping centers estar em grande evolução no RS, a organização elegeu a capital gaúcha como a única da Região Sul para reunir especialistas e empresários a debater os principais temas do setor. Merchandising, economia, qualificação de mão de obra, marketing, redes sociais, e outros assuntos estão na pauta da programação.

“É fundamental que o setor esteja organizado e qualificado, isso garante que os investimentos sejam feitos de forma sólida com a certeza de um futuro próspero para todas as partes, e o Brasilshop será palco para isso.” – explica Cesar Garbin diretor de operações da 5R Shopping Centers.

Conteúdo e networking

Com a finalidade  de levar conhecimento e networking ao setor e capacitar os varejistas, o evento contribuirá também para a formação de empreendedores e profissionais que pretendem ingressar no mercado, além de ser uma oportunidade de reciclagem profissional e pessoal.

O conteúdo didático do congresso abordará temas e assuntos de importância para a gestão de empresas varejistas de qualquer porte e contará com a participação de importantes conferencistas na apresentação de cases e modelos de gestão.

Idealizadores

A Alshop é a principal entidade representativa do setor varejista, um elo entre lojistas, empreendedores, poder público e demais segmentos da economia. O objetivo dela é promover o fortalecimento e a capacitação do mercado de shoppings e comércio varejista.

A 5R Shopping Centers consolida-se como um dos principais players do setor. Tem projetos de nove shoppings em andamento no Brasil. Só no Rio Grande do Sul está construindo três, um em Porto Alegre – na Cavalhada – outro em Alvorada e em Rio Grande, que inaugura em março. Os três empreendimentos assinam o Brasilshop.

Serviço

Local: Sheraton Hotel

Endereço: Rua Olavo Barreto Viana 18 Moinhos de Vento – Porto Alegre

Data: 1º de Outubro de 2013

Horário: 8h30 às 17h30

set 142013
 

Matéria: Rodrigo de Aguiar

Fotos: Eduardo Buchholz, Prefeitura Municipal do Rio Grande

rodrigo@papareianews.com

Chama foi acesa na Praça Tamandaré, próximo ao monumento-túmulo do general Bento Gonçalves

Foi aberta oficialmente na manhã deste sábado, na Praça Tamandaré, próximo ao monumento-túmulo do general Bento Gonçalves, a semana farroupilha em Rio Grande. O evento contou com o acendimento da Chama Crioula e reuniu autoridades civis e militares em uma cerimônia iniciada em frente à Prefeitura Municipal.

O fogo simbólico chegou a Rio Grande nesta sexta-feira, após 14 dias de cavalgada desde Santa Vitória do Palmar, local onde os 35 cavaleiros da 6ª Região Tradicionalista buscaram a centelha da Chama. Na tarde de ontem os tradicionalistas estiveram em São José do Norte, município vizinho que deu início as comemorações Farroupilha com exatamente uma semana para o dia 20 de setembro.

O ato de abertura da solenidade na primeira cidade do estado contou com a participação do prefeito em exercício, Eduardo Lawson, que autorizou o início das festividades e cumprimentou os responsáveis por terem cavalgado durante duas semanas para trazerem o símbolo do Rio Grande do Sul ao município. De lá os Lanceiros Negros e a Guarda de Infantaria Farroupilha de Caçapava do Sul, junto a Banda Regional da Brigada Militar, foram em direção a Praça Tamandaré, onde deram início as homenagens, que culminaram com o hasteamento das bandeiras e o acendimento propriamente dito do fogo simbólico.

A programação em comemoração ao 20 de setembro terá entre os dias 15 e 19 desfiles de cavalarianos em diferentes pontos da cidade e outras programações pertinentes nas mais variadas entidades tradicionalistas municipais. Já na sexta-feira, dia 20, o desfile militar terá início às 09h45 e será seguido pelo desfile farroupilha, que neste ano, assim como no de sete de setembro, acontecerá na Rua General Netto, como forma de homenagem a este outro herói farroupilha.

Autoridades civis e militares presentes na solenidade

A Banda Regional da Brigada Militar acompanhou os Lanceiros Negros e Guardiões de Infantaria Farroupilha até o local do acendimento